Home | Bitered

Cultura Pop do mundo.

Muita rima, pouco hype: mc’s que você precisa conhecer

Com essa enorme crescente do Rap nacional nos últimos anos, muitos Mc’s novos entraram na cena e tem um público até bem grande comparando com outros artistas do mesmo gênero, mas no meio de todos esses Mc’s, muitos com um enorme talento acabam não tendo o reconhecimento que merecem (sendo eles artistas mais recentes ou mais antigos na cena), e é sobre alguns deles que eu quero falar.

AMIRI

Provavelmente um dos melhores liricistas da cena, mesmo não sendo novo no Rap e tendo um certo público que o acompanha, não chega nem perto do que ele merece. Amiri é aquele tipo de Mc que serve de exemplo para muitos outros Mc’s, no nivel de em algumas músicas que ele lança são capazes de fazer uma grande parte de outros artistas de Rap pararem para ouvir oque ele tem a dizer. Em 2019 Amiri deve lançar seu primeiro álbum,e é minha aposta para ser um dos melhores do ano, vejam as faixas “Um dia de injúria/Pantera negra” e entendam o absurdo que Amiri é.

H.E

Um Mc bem no estilo golden era na parte lirica, quase sempre com Rap de mensagem, é provavelmente o artista menor na parte de números de seu canal, mas isso não reflete seu talento. H.E apesar de sempre trazer uma boa mensagem em suas músicas, sempre é original em cada som, conseguindo a se adaptar em diferentes beats, e com certeza merece muito mais espaço do que tem na cena, e eu nem consigo imaginar do que ele seria capaz tendo mais condições para investir em sua carreira.

Makonnen Tafari

Um dos nomes mais antigos do Trap Br, que traz um estilo bem original para suas músicas sabendo usar muito bem o auto-tune. Mesmo não tendo acompanhado a carreira de Tafari, já vi pessoas dizendo que ele já trabalhava com Trap desde 2015, muito antes da explosão do gênero no Brasil, mas ele não esta nessa lista só pelo seu tempo na cena, mas tambem pela sua qualidade, escutem o seu álbum Tafari Loko Pt.2 e vejam o verdadeiro Trap Brasileiro.

X Sem Peita

Uma dupla de Mc’s de BH que eu conheci através de outros artistas do mesmo estado, e acabei encontrando um dos meus trabalhos preferidos desse ano, donos da mixtape “X Sem Peita” que contem 5 faixas que mostram todo o potencial da dupla e tambem a versatilidade com Rap de mensagem até Love Song. Eles são a minha aposta dessa lista dos que vão crescer mais rapido, tanto pela qualidade de suas músicas, e tambem por alguns Mc’s grandes de BH que podem acabar ajudando na divulgação de seu trabalho.

Yung Vino

Conheci Yunk Vino na época que a nova geração do Trap começou a aparecer mais na cena, com a explosão da música “Bailão” do Meno Toddy, que marcou a chegada dessa nova geração. Yunk Vino apesar de não ter tido o mesmo destaque que outros artistas novos, foi um dos que mais me agradou tendo um trabalho bem consistente e com uma ótima qualidade. O Mc já tem uma Mixtape intitulada “Off”, mas o destaque dele pra mim por enquanto é o singles YSL.