Vazam trechos do roteiro da série live-action de The Witcher na Netflix

Vazam trechos do roteiro da série live-action de The Witcher na Netflix

A produção da série live-action de The Witcher está a todo vapor na Netflix. A adaptação dos livros e jogos que se tornaram extremamente populares na última década está no processo de escolha de elenco e finalização dos roteiros. Porém, um usuário do Reddit conseguiu vazar alguns trechos de cenas que estariam na série.

A showrunner da Netflix Lauren Hissrich confirmou que o vazamento é verídico, porém, as cenas em questão foram descartadas pela produção e não serão usadas na série. Apesar da afirmação, os roteiros vazados mostram um momento importante nos livros de Andrzj Sapkowski, que acontece em O Tempo do Desprezo. Se trata do Golpe de Thanedd, que dá inicio à jornada de Geralt e Ciri, e a guerra contra Nilfgaard. Leia os roteiros na íntegra :

CENA 1
(Geralt e Yennefer conversam enquanto se arrumam para um baile)

Yennefer: Pare. Pare com isso, você está se remexendo como uma criança. Nunca colocou um casaco antes?

Geralt: Não um tão apertado assim.

Yennefer: Se o casaco é o problema, cor-de-pele fica bem em você.

Geralt: O Conselho amaria isso.

Yennefer: Considere que suas cicatrizes seriam um tópico de conversas. Essa aqui veio de um impiedoso jovem basilisco. E essa outra pelas presas de uma vampira. E essa outra foi para preencher espaço livre na região do meu peito. Pensei que deveria equilibrar as coisas, sabe?

Geralt: Essa aqui é sua. Você me mordeu.

Yennefer: Eu sei. Droga, isto está apertado.

Geralt: Não importa, não estou me sentindo nada bem.

Yennefer: Você sequer fica doente?

Geralt: Bruxos pegam resfriados, assim como você.

Yennefer: Você realmente não quer ir, certo?

Geralt: Não fui feito para bailes.

Yennefer: E você acha que eu fui? Perambular por uma sala cheia de magos que mal podem esperar para ver falhar. Prontos para se aproveitarem de um momento de fraqueza. Todas as minhas amigas querem foder com você.

Geralt: Bom, você devia ter começado com isso.

Yennefer: Nós teremos sorte se Sabrina estiver usando pelo menos parte de uma blusa. Meu palpite é que ela usará uma poção pensada para borrar apenas seus mamilos. Você pode ter certeza que Triss passará a noite toda te dando olhares – e eu deixarei pois aquela garota merece um pouco de felicidade. Gosto de pensar que até Vilgefortz olhará para o seu traseiro, tudo enquanto exibe sua acompanhante elfa para tentar impressionar. Vamos admitir, é muito coisa do século passado.

Geralt: E você, vai exibir seu Bruxo?

Yennefer: Eu não te exibo para impressionar. Eu te exibo porque você é ridiculamente atraente. Confio que você diria o mesmo de mim.

Geralt: É isso que somos um para o outro?

Yennefer: Claro que não. Olhe para nós, somos um casal de respeito.

Geralt: Certo. Eu mato monstros e você faz eles.

Yennefer: Você sabe que faz anos que não me envolvo com mutações. Por quanto tempo você jogará isso na minha cara?

Geralt: Apenas na ocasião de eu não querer ir ao seu baile.

Yennefer: Mas eu sou uma das boazinhas.

Geralt: Claro. Em um mar de idiotas que tentam dobrar a natureza de acordo com a vontade própria.

Yennefer: Você não precisa conversar com essas pessoas.

Geralt: Posso ficar bêbado e socá-las?

Yennefer: Isso faria você calar a boca e vestir seu casaco minúsculo?

Geralt: Sim.

Yennefer: Então você pode sim beber e socar meus colegas. Só faça do lado de fora e garanta que seja alguém com quem eu não me importe. Não deve ser difícil já que odeio todos menos você.

CENA 2
(Yennefer discute com um rei)

Rei: Apenas essa vez?

Yennefer: É contra as regras, Sua Alteza.

Rei: Será nosso segredo então, a Irmandade nunca saberá.

Yennefer: É contra minhas regras.

Rei: Você com certeza pode fazer uma exceção para mim. Por favor?

Yennefer: Não, obrigado.

[Yennefer usa um feitiço]

Você se sente sem peso, ou sente todos os seus repulsivos quilos de gordura te puxando para a morte? Não que seus sentimentos realmente importem, já que sou eu que estou te levantando, e sou eu que te derrubarei assim que terminar de contar meus sentimentos.

A forma como você come seu café da manhã é repugnante. A cara imunda. E as pessoas que mais te odeiam – as que habitam o seu reino, é certo dizer – sequer vêem esse seu lado. Cada um te odeia pelos próprios motivos. Pela forma como você abandonou as necessidades deles para segurar seus portões.

Nada disso me incomoda, para falar a verdade. Realmente é sobre sua cara imunda de comida… e a forma como restos de bolo ficam presos nela. Me dá vontade de vomitar. E depois há sua perversão, sempre invadindo os quartos das servas que não querem limpar seu pinto com os corpos delas. Imundo. E acima disso você é estúpido.

Tenha em mente que eu não me importo com isso também – de novo, é pela cara imunda. Mas de novo enquanto estava caminhando, de forma que eu possa aconselhar sua mente pequena com estratégias de guerra, você pede para tocar meus seios. A resposta foi um gentil ‘não, obrigado’. Mas o que você deve tirar disso é que te tenho nas palmas da mão.

Retornarei ao trabalho.

A série de The Witcher estreará na Netflix em 2020, com filmagens na Polônia, e não adaptará os jogos da CD Projeckt Red, apenas os livros.

Gabriel Lira

Apenas um cara tentando fazer a coisa certa.

Deixe uma resposta

Fechar Menu