Home | Bitered

Cultura Pop do mundo.

Veja 4 ideias para novos mapas em Fortnite

Fortnite já é um enorme sucesso e isso não é duvida pra ninguém. Por mais que adoramos esse battle royale e de enfrentar outros 99 players no mapa atual é fácil imaginar como um novo mapa deixaria o jogo muito mais vivo e emocionante.

Atualmente existe apenas um mapa em Fortnite e quem já joga o game desde seus primeiros meses percebeu claramente que esse mapa foi evoluindo com o tempo. Com novas temporadas vem novo conteúdo e mudanças reais para o layout e os recursos do mapa. Quando a quarta temporada chegou, um cometa destruiu Dusty Depot para criar uma nova área chamada Dusty Divot, que alimentou o tema de super-heróis que o jogo estava usando.
Agora, com a quinta temporada se aproximando (a partir de 12 de julho), começamos a pensar em como o mundo de Fortnite evoluirá ainda mais, devido à recente aparição de rachaduras misteriosas no céu. Eles poderiam nos levar a um novo mapa e, em caso isso se confirme, você já se perguntou como seria isso?

Um mapa de neve

Ao criar um novo mapa, a Epic poderia adotar a abordagem de lançar algo  não  muito mais do que uma simples alternativa à ilha que conhecemos, oferecendo uma aparência diferente. Alternativamente, ele poderia liberar algo que é muito mais especializado, com seu próprio conjunto personalizado de regras, assim o jogador teria que mudar algumas estrategias de combate.
Uma dessas possibilidades: um mapa de inverno onde a neve tem um impacto real no jogo. Um mapa coberto de neve tornaria os inimigos distantes mais fáceis de serem avistados, tornando as armas de longo alcance mais valiosas. Mas a neve pode cair periodicamente durante a partida, reduzindo a visibilidade e enfatizando o combate a curta distância por um certo período de tempo.
A velocidade de movimento pode ser afetada pela quantidade de neve, mas o que é ainda mais intrigante é a perspectiva de precisar se manter aquecido. Semelhante a Company of Heroes 2, o Battle Royale pode realmente ser abalado se você também tiver que levar em conta a temperatura do seu corpo. Se você está com frio, você se arrisca a sofrer danos para pegar aquela arma que você tanto precisa, ou você encontra um lugar para se aquecer primeiro?
Tantas coisas novas trariam um desafio técnico, mas um novo mapa que traga um  impacto a jogabilidade de muitas maneiras seria uma ótima maneira de mostrar como os novos locais serão em Fortnite.

Mapa de um vulcão

O que realmente distingue Fortnite de outros jogos do mesmo estilo de batalha são os mecanismos de construção, e embora eles sejam usados em situações de combate rápido, pode ser muito legal exigir deles durante uma fase de corrida de uma partida para superar obstáculos.
 Um mapa gigante de vulcões com picos, abismos e tubos de lava acrescentaria outra camada de pensamento e movimento. Um mapa no vulcão também pode variar as distâncias em que os jogadores lutam no círculo final. Talvez houvesse círculos finais de curta distância em cavernas, círculos finais de longo alcance sobre uma gigantesca câmara de magma, lutas de colina a colina semelhantes àquelas que acontecem agora, e possivelmente pequenas batalhas perto da água ao redor da base  do mapa.
 A Epic tem sido muito boa até agora em fazer eventos planejados, como o recente lançamento de foguetes, mas por que não dar um passo adiante com eventos aleatórios? Os vulcões poderiam ter um tubo de lava que se abre e inunda o mapa, ou um vulcâo que a câmara de lava está vazia e cavernosa. Com as falhas dimensionais se abrindo, as possibilidades de eventos aleatórios são infinitas. O mapa do vulcão poderia ocorrer em diferentes épocas –  tendo até mesmo dinossauros.

Uma lugar cheio de coisas de outros mundos

A ilha de Fortnite tem uma grande variedade, já que você tem de tudo, de pântanos a cidades, passando por ferros-velhos e (mais recentemente) uma cratera gigante com algum tipo de base científica construída dentro dela. Mas tudo geralmente faz sentido e parece que se encaixa na mesma área geral.
Com as fendas da quarta temporada fazendo com que os objetos desapareçam, seria divertido ver que isso serve para um propósito. E se essas falhas não estiverem apenas na ilha de Battle Royale, mas em todo o mundo – ou até mesmo em dimensões diferentes? Ao invés de ter essas coisas piscando para fora da existência, talvez essas falhas estejam transportando-as para outro lugar. Que exatamente esse  outro lugar poderia ser o cenário para um novo mapa.
Pode ser um pouco extremo como o conceito para o que seria apenas o segundo mapa de Battle Royale, mas seria ótimo eventualmente ver um local cheio de coisas estranhas. Um jato gigante dentro de uma academia ou Plantas alienígenas que te atacam fora de uma loja de brinquedos Por que não! Fortnite já abraça esse lado mais leve e até de certa forma meio humorístico, e isso permitiria que a Epic realmente fosse all-out com um mapa que é diferente de qualquer outra coisa no espaço dos battle royales. Ele também teriam  uma desculpa perfeita para continuar atualizando o mapa com novos elementos à medida que mais coisas são teleportadas para dentro e para fora.

Lutando em um lugar pós-apocalíptico 

A Epic tem a flexibilidade de usar  Fortnite em quase todas as direções que desejar. E dada a premissa do modo original Save The World – defendendo-se dos monstros mortos-vivos e mutantes – seguir um tema pós-apocalíptico para um novo mapa está bem dentro do campo de possibilidades. Isso seria mais do que apenas uma revisão cosmética também. Seria interessante ver como as zonas de radiação poderiam levar em consideração as correspondências; maneiras inteligentes de construir em torno de áreas perigosas com a técnica para  evitar inimigos e a tempestade mortal pode apimentar um pouco as coisas. Talvez zonas irradiadas possam ser randomizadas com a tempestade para aumentar ainda mais a tensão. Os contadores disparando quando você menos espera, enquanto pensa que você está construindo uma zona segura.
Um mapa pós-apocalíptico pode servir como impulso para trazer novas  armas ao jogo também. Um lançador de armas nucleares pode ser devastador, mas muito procurado pelos jogadores. Estaríamos hesitantes em pedir hordas hostis como um fator para se torna o diferencial quando se trata de um jogo nesse estilo, mas é um aspecto que poderia ser habilmente implementado neste tipo específico de mapa.

Gustavo Lira é redator no Bitered. Você pode seguí-lo no Instagram

Deixe uma resposta